A volta dos Korean Slayers – SKT perde seu primeiro jogo no MSI 2017

A volta dos Korean Slayers – SKT perde seu primeiro jogo no MSI 2017

Depois de três dias invictos no Mid Season Invitational 2017, com atuações incríveis e execuções perfeitas, a SK Telecom T1 finalmente enfrentou sua primeira derrota no torneio. O revés foi justamente para os taiwaneses da Flash Wolves, equipe reconhecida mundialmente como os Korean Slayers por derrotarem constantemente as super potências vindas da LCK em palcos internacionais.

Taxados como os únicos com capacidade de bater os atuais campeões mundiais, a Flash Wolves decepcionou no primeiro embate entre as duas equipes, quando foi atropelada pelos sul coreanos no dia anterior. O embate no quarto dia seria ao mesmo tempo uma revanche da derrota passada e um respiro para que o time, então 2-4, tivesse chances de continuar na disputa pela vaga nos playoffs do MSI. 

(Divulgação/Riot Games)

Partida iniciada, o jogo não se mostrava muito favorável à Flash Wolves. Devido a problemas de rota na selva, o caçador Karsa ficou em desvantagem em relação ao adversário, Peanut, demorando para coletar seus buffs e perdendo o flash em um gank falho na rota inferior. Essa desvantagem, no entanto, se reduzia conforme o earlygame desenrolava, até que um gank muito bem executado no topo confirma o first blood para MMD em cima de Huni.

Enquanto Karsa projetava jogadas agressivas na parte superior do mapa, a rota inferior taiwanesa era constantemente punida por erros de rotação de seu suporte, SwordArt. Por duas vezes, Betty foi deixado sozinho na rota, e em ambas ele foi abatido sem piedade pelos coreanos, que consolidaram uma vantagem de dois abates e 40 de farm em cima dos adversários.

Foi novamente a atuação brilhante do selva Karsa que colocou a Flash Wolves de volta aos trilhos. Sua performance atingiu seu pico quando, em diversas lutas, o caçador da Flash Wolves conseguia colocar adversários chaves em posição de risco para que seus companheiros continuassem a ofensiva com extrema velocidade e facilidade. Deve-se ressaltar que, durante muitas lutas, Karsa conseguiu anular completamente qualquer tentativa de participação da grande estrela Faker que, muitas vezes, era explodido pelos adversários antes de ser diferencial para a equipe sul-coreana.

(Divulgação/Riot Games)

O impacto do caçador, que teve liberdade total no mapa, foi o suficiente para destruir qualquer chance de reviravolta da SK Telecom T1, abrindo espaços para que a Flash Wolves conseguisse ter rotas em vantagem e executasse rotações quase perfeitas, resultando na destruição de torres sul-coreanas ao redor do mapa.

O desfecho da partida se deu após uma série de lutas na parte superior do mapa que, com um controle de visão espetacular da Flash Wolves, resultavam em objetivos instantaneamente. Após conseguir limpar a rota do topo e controlar majestosamente a selva inimiga, a Flash Wolves viu uma abertura e conseguiu executar um Barão limpo e conectar logo em seguida um abate em Wolf. Com o suporte fora do caminho, foi uma questão de minuto até que os taiwaneses limpassem a base da SKT e garantissem a vitória.

Depois de 4 dias de disputa da Fase de Grupos, pela primeira vez na competição a Flash Wolves apareceu de verdade. Com resultados abaixo do esperado, os representantes da LMS fizeram partidas péssimas nos primeiros dias de Fase de Grupo, jogando bem abaixo do nível exibido durante a última temporada da LMS, onde saíram campeões com grande domínio na região.

A vitória em cima da SKT mantém a equipe na busca pela vaga nas semifinais, e também coloca um sinal de alerta no restante dos times do torneio. Os Korean Slayers estão de volta, e não irão sair do MSI sem uma briga.

(Divulgação/Riot Games)

 

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *