Afinal, o que é uma análise de League of Legends?

Afinal, o que é uma análise de League of Legends?

Recentemente, foi iniciada uma discussão sobre analistas do League of Legends brasileiro. Mais especificamente, o debate se concentra em discutir a qualidade e o conhecimento dos casters que participam da transmissão do CBLOL. Porém, é importante questionarmos não só o trabalho destes que vemos nas nossas telas em quase todos os fins de semana, mas também o conceito de “análise de League of Legends” vendido na mídia de esports brasileira em geral.

É fundamental, enquanto há tempo, exigir de quem tem o poder de transmitir informação, a competência de fazê-lo em alto nível. Porém, o público ainda não sabe o que é uma análise de verdade. Para que o público possa questionar e exigir, precisamos que saiba o que é realmente analisar League of Legends. Neste artigo, você pode começar a entender melhor como é feito este tipo de trabalho.

O que não é uma análise de LoL

Parece haver uma confusão sobre o que é conteúdo analítico no nosso cenário. Frases como “um campeão forte no late game necessita de ouro para escalar” e “uma composição de early game precisa acabar com o jogo o mais cedo possível” se passam por análises e são vendidas como tal, mesmo não sendo. Isto ocorre porque não há um discernimento entre os tipos de conteúdo que temos à disposição.

Quando se trata de League of Legends, há diferentes formas de se enxergar o jogo. Mais importante ainda, há diferentes formas de expressar o que se enxerga. Diferentes formas de expressar pensamentos sobre o game é uma das formas de separar o que é análise, o que é comentário, e o que é descrição.

Expressar-se principalmente por meio de descrições é o trabalho de um narrador. A função deste profissional é, por exemplo, apresentar as estatísticas, relatar o que está acontecendo na partida e não deixar informações básicas passarem batidas pelo público. “O Minerva tem um alto número de mortes nesta etapa do CBLOL”, por exemplo, é uma informação que deve ser passada ao público por um narrador, e não se trata de uma análise.

Expressar-se majoritariamente com comentários e opiniões é a função de um comentarista. São os comentaristas que nos oferecem seus pontos de vista sobre as estatísticas, as partidas, as equipes e os jogadores. “O Minerva está em má fase pois está sofrendo muitos abates nesta etapa” é o tipo de informação que um comentarista transmite, e não se trata de uma análise. Por conta das opiniões de alguns serem vendidas como análises, este é o profissional mais confundido com um analista no nosso cenário.

O que é uma análise de LoL

Ao invés de descrever o que aconteceu no jogo ou opinar sobre, uma análise procura entender o motivo dos acontecimentos e como uma partida chegou àquele ponto. É a função de uma análise levantar perguntas como, por exemplo, “por que o Minerva está sofrendo tantos abates nesta etapa? Onde ele mais morre no mapa? Suas mortes são por incompetência individual ou resultados de erros coletivos e de comunicação?” e sugerir respostas para tais questões.

Uma análise é a dissecação dos acontecimentos de uma partida finalizada, ou das possibilidades de uma partida futura. É o processo pelo qual o analista procura entender os detalhes e as complexidades do game e transformar este entendimento em informação mais simplificada e fácil de digerir para o público.

A função do conteúdo analítico é passar conhecimento para o público de maneira condensada, mas sempre completo e correto. Esta é a parte mais importante da profissão. Numa transmissão ao vivo, o analista tem o desafio de passar a informação imediatamente após o jogo, mas tem auxílios visuais para demonstrar suas conclusões. Numa análise escrita, o autor precisa passar a informação da maneira mais detalhada possível, tendo a vantagem de tempo para refletir sobre o conteúdo. Seja como for, a finalidade é a mesma: ajudar a desenvolver o nível de informação do público sobre LoL.

Mapa de calor de uso de sentinelas. Recursos como este podem ser usados para realmente analisar os padrões e estilo de jogo de uma equipe numa partida ou em um torneio. (Crédito: ArchonLoL)

Como é feita uma análise

Para se analisar League of Legends, o primeiro passo é propor uma metodologia. Não há uma metodologia universal e unânime para tal, mas é necessário seguir um plano de trabalho. Alguns assistem às lutas em câmera lenta, outros pausam quando um jogador dá um clique importante. Muitos assistem com um bloco de notas aberto no computador para fazerem anotações, enquanto outros preferem caderno e caneta. Não importa. O que importa é seguir um sistema.

O olhar analítico demanda total atenção, e busca encontrar significado em cada decisão e movimento do jogo. O olhar do analista o exige prestar atenção a múltiplos acontecimentos simultâneos no jogo, para que a conexão entre eles possa ser mapeada.

Ao terminar de assistir uma partida, seguindo uma metodologia, um analista se volta para suas anotações e para as informações disponíveis, e procura nelas perguntas pertinentes sobre o jogo. A partir daí, começa a procura pelas respostas. Nem sempre elas são encontradas, mas isto não é o importante.

O imprescindível é que o analista transforme os resultados de seu trabalho em conhecimento para o público. Se foram encontradas as respostas, são elas que devem ser transmitidas para os espectadores e leitores. Caso não, o analista deve dividir as perguntas levantadas pelo seu estudo, já que esta profissão não se trata de tentar demonstrar conhecimento absoluto sobre LoL, mas sim de encorajar pensamento aprofundado sobre o game.

A função do público

Como dito no início desta dissertação, o público só terá a capacidade de exigir mais qualidade em conteúdo analítico quando entender melhor o que é uma análise. Espero que este artigo seja um primeiro passo neste caminho para quem o ler.

Quanto mais exigências o público fizer, mais propensos estaremos a avançar em direção a um conteúdo de maior qualidade analítica na mídia. Dessa forma, encontraremos-nos cada vez mais próximos de ter uma mídia de esports mais apta a suprir essa necessidade.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *